6 dicas para entreter seu cão quando ele estiver sozinho

Atualizado: Mar 23


Uma grande dúvida que todo dono de cachorro tem é: O que meu para cãozinho faz quando não estou em casa? Se você tem um cão saudável, provavelmente, ele não passa o dia todo deitado e dormindo.

Se chegar em casa e encontrá-la toda revirada, com sapatos mordidos, almofadas despedaçadas, saiba que seu amigo pode estar apenas entediado. Para te ajudar a lidar com este problema, separamos soluções simples que manterão seu cão feliz quando você não estiver em casa.

1. Dedique tempo ao animal antes de sair de casa

Passeios e brincadeiras ajudam seu cão a gastar mais energia, por isso, é recomendado que você pratique algumas dessas atividades com ele, antes de sair de casa.

Os passeios são altamente recomendados, pois ajudam os cães a prevenir doenças e até, obesidade, como já falamos no artigo Cuidado: seu pet pode estar obeso. O tempo e intensidade da caminhada, dependerá do seu cão, da raça e da idade, mas em média, recomenda-se começar com passeios de 20 minutos.

Caso você esteja com menos tempo, pode brincar jogando a bolinha ou escondendo algum brinquedo para que ele o encontre. Tente adaptar esta atividade a sua rotina matinal, pode jogar o item para ele buscar enquanto faz seu café, troca de roupa ou escova os dentes. Os jogos de busca também são exercícios mentais que dão estímulo extra para que ele não fique tão aborrecido.

Outra opção é fazer uma rápida sessão de treinamento com comandos simples, você pode começar com os mais simples e ir aumentando a dificuldade.


2. Crie distrações

Deixar as cortinas abertas para um quintal ou vista para a rua, pode proporcionar estímulo visual. Mas, se você morar em uma rua muito movimentada, perceba se o fluxo constante não será estressante demais para seu cão.

Se seus vizinhos estão reclamando sobre latidos diurnos excessivos, uma solução pode ser deixar uma música ou televisão ligados. Há até um canal de TV com programação para cães, o DogTV, com conteúdo amigável para cães durante todo o dia. Você não precisa deixar os equipamentos ligados durante todo o dia, pode programá-los para que liguem e desliguem em determinados momentos.


3. Visitas rápidas

Quando possível, apareça em sua casa para dar um “oi” rápido. Mesmo que sejam apenas 10 minutos, seu cão apreciará sua presença e não se sentirá tão sozinho.

Se a sua agenda torna difícil fazer isso, considere contratar os serviços de um Pet Sitter confiável. O Pet Sitter é um profissional que você pode contratar por hora ou dia para atender necessidades específicas, como dar medicamentos, passear e brincar e alimentar. Atualmente, há empresas que facilitam o acesso a este profissional. Assim, você pode encontrar pessoas que moram próximas a você e por preços acessíveis para passarem um tempo com seu cãozinho.


4. Brinquedos interativos

Os brinquedos interativos são também conhecidos como brinquedos comedouros ou com dispenser para ração. Como o nome já explica, são peças que você insere a ração ou um petisco de maneira que seu cão se sinta motivado a brincar com ele. Estes itens possuem um design especial de tal forma que o cão precisa brincar e mexer no brinquedo para conseguir comer a ração/petisco. Este tipo de item foi feito especialmente para instigar mentalmente o cão. Desta forma, ele pode passar bastante tempo se entretendo e brincando.

Outra dica é esconder petiscos em alguns lugares da casa para instigá-lo a procurar. Só tenha cuidado para não exceder a quantidade diária de comida recomendada para seu cãozinho.


5. Crie um espaço próprio para ele

O cão geralmente se acostuma com um espaço da casa onde ele pode descansar. Por isso, é importante criar este ambiente. Escolha uma caminha segura e confortável, deixe os brinquedos, o potinho de ração e água por perto. Desta forma, o cãozinho terá um espaço para interagir e brincar. Este espaço próprio é o cantinho dele onde ele se sentirá mais seguro.

Se você ainda quiser limitar o espaço do seu cão, principalmente se for um filhote que ainda esteja em treinamento, você pode escolher uma área segura na sua casa e cercá-la com pequenas grades. No mercado existem várias opções para isso. Novamente, é importante que este seja um cantinho seguro para seu cão e que ele tenha acesso a vários brinquedos para se distrair.


6. Acostume com a separação

É difícil sair quando o seu cão está chorando ou latindo. Se o seu cão fica triste toda vez que você fecha a porta, há uma solução! Você pode ensiná-lo. Demora algum tempo, mas uma rotina de treinamento pode ajudar a diminuir a ansiedade da separação. A mudança acontecerá gradualmente, mas é preciso paciência e constância.

Comece pedindo para seu cão "ficar" em um ambiente enquanto estiverem em casa juntos. Escolha o ambiente onde ele terá seu ‘espaço próprio’ e deixa guloseimas e brinquedos. Com o passar dos dias, fique mais distante do cômodo por mais tempo. Repita esta rotina até que sua ausência não gere estresse. Eventualmente, seu cão aprenderá a confiar que tudo ficará bem - mesmo quando você não estiver por perto.


Conclusão

Garantir a saúde e bem-estar no nosso animal de estimação é nossa responsabilidade, por isso, precisamos ficar atentos as suas necessidades. É normal e até saudável que os cães passem algum tempo sozinhos, mas para que eles não se sintam solitários, precisamos dedicar tempo todos os dias, seja passeando, brincando ou ensinando novos truques. Criar um espaço especial para ele onde se sinta seguro e confortável, também é essencial.

Tendo cumprido estes dois itens, já será bem mais fácil para o cão passar um tempo sozinho. Aí, você pode usar as outras dicas conforme a sua necessidade e a do seu cão. Crias distrações e fazer visitas rápidas só serão necessários se o período for mais longo. Em períodos curtos, os brinquedos interativo serão suficientes.

Acostumar o cão com a separação é uma dica valiosa. Se ele aprender a lidar com a sua ausência não terá momentos de estresse e ansiedade quando você não estiver com ele.

INSTITUCIONAL
NOSSOS PRODUTOS
ONDE COMPRAR

©2020 Legnobile Pet. Todos os direitos reservados.

Curitiba/PR | CEP: 82.120-170